8 de dezembro de 2021

BEATRIZ IOLANDA

Empreendedorismo é o nosso foco!

Ministro fará rodízio de energia similar a horário de verão

.

__________________________________
beatriziolanda.com
__________________________________

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque , admitiu que a seca que o Brasil vive é a maior da história recente. Ele pediu, em pronunciamento à televisão aberta nesta segunda-feira (28), que a população evite desperdícios de  eletricidade e água para afastar a necessidade de um racionamento.

“O uso consciente e responsável de água e energia , reduzirá consideravelmente a pressão sobre o sistema elétrico, diminuindo também o custo da energia gerada”, afirmou.

O ministro também revelou que sua pasta está elaborando um plano de transferência de horários de pico de consumo de eletricidade para as empresas. Segundo Albuquerque, a medida deve aliviar a pressão sobre a demanda por energia no país.

__________________________________
beatriziolanda.com
__________________________________

Em abril de 2019 , o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), assinou um decreto que pôs fim ao horário de verão brasileiro. De acordo com o governo à época, estudos comprovavam que a alteração no relógio já não cumpria mais sua função de economizar luz.

O horário de verão é adotado em mais de 30 países como estratégia para reduzir o consumo de eletricidade. Em locais de climas mais definidos, com verões e invernos bem caracterizados, a mudança no relógio costuma ter impacto nesses gastos.

Albuquerque também destacou a possibilidade de racionamento de energia, como o que ocorreu em 2001.

“Para aumentar nossa segurança energética, é fundamental que, além dos setores do comércio, de serviços e da indústria, a sociedade brasileira, todo cidadão-consumidor, participe desse esforço, evitando desperdícios no consumo de energia elétrica, com isso, conseguiremos minimizar os impactos no dia-a-dia da população”, disse o ministro.

Os reservatórios das hidrelétricas do Centro-Sul do país estão em níveis  preocupantemente baixos após o pior período de seca em 91 anos de medição.

seca tem feito a conta de luz permanecer na bandeira vermelha patamar 2 , a mais cara, já que fez o governo acionar usinas termelétricas para substituir as hidrelétricas com baixa produtividade.

.

__________________________________
beatriziolanda.com
__________________________________

Fonte G1