size_590_investidores-dinheiro-gananDúvida do internauta: Tenho um filho de um ano e quero juntar um milhão de reais em dez anos para garantir seu futuro escolar e profissional. Quanto e onde posso investir para atingir esse objetivo? Desejo saber quanto preciso aplicar hoje para deixar rendendo por dez anos até atingir o montante previsto, pois não desejo fazer aplicações mensais.

Resposta de Eliane Habib*:

Excelente preocupação considerando a idade de seu filho. Para um perfeito planejamento vamos considerar o desejo de acumular um milhão de reais, mantendo o poder de compra deste montante no tempo. Isto significa que o valor total no final de 10 anos deverá ser o equivalente a um milhão de reais de hoje corrigidos pela inflação dos próximos 10 anos. Outra premissa de nossa sugestão, é o desejo de realizar um aporte único no início do investimento.

Minimizando impactos fiscais, custos de taxas de administração, risco da inflação dos próximos dez anos e evitando riscos de crédito, indicamos a compra direta de um título público do governo federal com vencimento em 2024, via Tesouro Direto.

Este investimento tem o menor risco de crédito do mercado, além de ter liquidez. Portanto, se necessário, você poderá vendê-lo por meio de uma corretora no mercado secundário de títulos públicos.

O investidor incorre no custo de custódia do título junto a uma corretora de sua confiança, mas não há taxa de administração, como nos fundos de investimento e fundos de previdência.

Hoje, dia 23 de dezembro, por exemplo, este título está sendo ofertado com a remuneração final da variação da inflação medida pelo índice IPCA mais 6,45%. Indicamos o título denominado NTN-B Principal, cujos juros serão pagos todos no final do prazo.

O imposto de renda será de 15% sobre os rendimentos se você permanecer com o título por mais do que dois anos. Este imposto de renda será cobrado somente no vencimento, ou em caso de venda antecipada no mercado secundário.

Aplicando hoje 534.731 reais em uma NTN-B Principal com vencimento em 2024, cuja rentabilidade seja de 6,45% mais inflação , o montante final será de um milhão de reais corrigidos pela inflação de dez anos.

Outra possibilidade que pode ser muito interessante é o investimento em um plano deprevidência privada com a cobertura adicional de um seguro de vida, cujo beneficiário seria o seu filho no caso de sua morte

Você pode optar por um VGBL com tributação regressiva, cuja alíquota de IR será de 10% após dez anos de investimento.

Algumas recomendações são necessárias: pesquisar o melhor VGBL disponível no mercado, para evitar taxas de carregamentos e solicitar a taxa de administração mais baixa possível, e evitar resgates antecipados. Qualquer resgate antes de seis anos terá alíquotas de imposto de renda muito altas. Este produto exige visão de longo prazo do investidor.

*Eliane Habib, CFP® é planejadora financeira pessoal e possui a certificação CFP® (Certified Financial Planner) concedida pelo Instituto Brasileiro de Certificação de Profissionais Financeiros (IBCPF).

Fonte: Revista Exame
Link: http://exame.abril.com.br/seu-dinheiro/noticias/quanto-invisto-de-uma-so-vez-para-ter-r-1-milhao-em-10-anos