21 de setembro de 2021

BEATRIZ IOLANDA

Empreendedorismo é o nosso foco!

ECOSSISTEMAS DE INOVAÇÃO: Conheça os melhores


BEATRIZ IOLANDA
Acesse nosso BLOG
Siga as redes sociais
Economia, negócios, mundo


 

Países inovadores têm criado grandes e importantes polos de inovação ao redor do mundo com o objetivo de gerar transformação, através de pesquisas e descobertas que favoreçam o desenvolvimento socioeconômico e tecnológico.

Os polos de inovação são espaços físicos e estrategicamente construídos para fomentar e facilitar a colaboração e conexão entre as empresas e negócios que possuem um propósito em comum: gerar inovação.

O QUE É ECOSSISTEMA DE INOVAÇÃO?

Ecossistema pode ser definido como um grupo ou comunidade que habita o mesmo espaço e se relaciona entre si, promovendo um sistema estável.

Sendo assim, podemos descrever os ecossistemas de inovação como um conjunto de empresas, instituições e negócios que se estabelecem em um mesmo local e se comunicam e interagem entre si.

Como resultado, os ecossistemas de inovação se tornam sistemas colaborativos e produtivos para a geração de inovação, transformação e novos negócios. Um dos maiores e mais bem-sucedidos é o Vale do Silício, nos Estados Unidos.

Fazem parte dos ecossistemas de inovação negócios e instituições como:

  • Universidades

  • Centros de Pesquisadores

  • Empresas

  • Intraempreendedores

  • Startups

  • Governo

  • Investidores

  • Aceleradoras

  • Incubadoras

  • Parques tecnológicos

  • Hubs de inovação

  • Comunidades de startups


BEATRIZ IOLANDA
Acesse nosso BLOG
Siga as redes sociais
Economia, negócios, mundo


 

QUAIS SÃO OS MELHORES ECOSSISTEMAS DE INOVAÇÃO DO MUNDO?

Há muitos ecossistemas de inovação e eles não param de surgir. Confira quais são os maiores e mais importantes atualmente, e algumas das principais empresas inovadoras que surgiram desses ecossistemas.

>>> ESTADOS UNIDOS

O país é responsável pela criação da maior parte das startups unicórnios globais dos últimos anos. Entre os polos de inovação mais conhecidos e importantes do país estão:

VALE DO SILÍCIO: que concentra o maior número de empresas de tecnologia do mundo e ocupa o topo da inovação em software, internet e redes sociais. Algumas de suas empresas: Adobe, RockSpace, Orange e 42Phi Venture.

AUSTIN: tem se firmado como centro de inovação em setores como cybersegurança e indústria avançada.  Algumas de suas empresas: Dell, BAE Systems, Austin Business Journal e Sparkcognition

BOSTON: é líder global em biotecnologia, abriga grandes empresas farmacêuticas. Também é considerado o lar das Biotechs e Cleantechs. Algumas de suas empresas: The Engine built by MIT, Boston Scientific, MC MassChallenge e WindESCo.

>>> EUROPA

O ecossistema europeu tem focado na transformação das indústrias tradicionais, do setor financeiro e da inovação sustentável. Os dois principais polos de inovação da Europa são:

SUÉCIA: estimula a pesquisa e o desenvolvimento, enquanto mantém o bem-estar social. É considerado o 2º país mais inovador do mundo pelo Global Innovation Index.  Algumas de suas empresas: SAAB, Ignite Sweden, Swedish Mining Innovation, RISE Research Institute of Sweden e Vinnova.

REINO UNIDO: é destaque em setores como Fintech, Blockchain e Healthtech, os países do Reino Unido somam 37% dos unicórnios de toda a Europa. Algumas de suas empresas: UKRI Innovate, Catapult, Imperial College London, Croda e TechUK.

>>> ISRAEL

Cidades como Tel Aviv, Jerusalém e Haifa formam um centro de inovação com startups que já nascem globais. O país é conhecido como Startup Nation com um ecossistema único fundamentado em sua história e cultura. Algumas de suas empresas: Sosa, Mobileye, Maverick Ventures Israel, SeeTree e State of Israel Ministry of Foreign Affairs

>>> CHINA

Considerado um campo de batalha da inovação e do consumo, tecnologias e tendências como o Big Data, AI e o novo varejo O2O, vêm sendo desenvolvidas nos ecossistemas de inovação chinês. Algumas de suas empresas: ByteDance, Kuaishou Technology, Tencent, Fudan University e Sequoia Capital.


BEATRIZ IOLANDA
Acesse nosso BLOG
Siga as redes sociais
Economia, negócios, mundo


Fonte: Inovation Roat